Brewmille: um feliz café em São José

Antes de começar este post deixa eu pegar um pano úmido e tirar a poeira. Pronto! Quase sessenta dias sem escrever sobre comida fizeram com que meus posts aqui se tornassem velhos. Tudo me parece tão distante, tudo me é tão estranho. Os restaurantes que recém tinham aberto há quase dois meses já me soam como antigos, quando penso em visitá-los. O tempo é relativo, isto posto um pequeno período pode ser grande dependendo da intensidade que se é vivido, para bem e para mal. Mas tergiverso, como sempre, falando sobre o tempo, não é pra isso que estamos aqui, não é mesmo? Já dizia Amélie Poulain que “A ansiedade sobre a passagem do tempo nos faz falar sobre o tempo”.

brewmille-ambiente

Por falar na Amélie Poulain conheci um café digno de reverências e aplausos no bairro Areias, em São José. Ah, sim, um dos motivos da minha ausência no blog é que me mudei, estou ainda mais longe da região central de Florianópolis, mas pelo visto a vida tem me agraciado também com coisas boas, como o Brewmille aqui perto. Tocava a trilha de O Fabuloso Destino de Amélie Poulain quando entrei no lugar e até o final o som daqueles acordeons fizeram o fundo musical perfeito pra experiência que lá vivi. É um dos meus filmes favoritos.

brewmille-ambiente2

O simpático Brewmille tem um ambiente muito acolhedor. De fora parece apenas mais uma das lojas padrão da Rua São Pedro, a “principal” do bairro. Por dentro, um ambiente aconchegante, com as paredes escritas em giz e móveis muito bonitos, parecendo até manufaturados.

A Brewmille começou como um distribuidor de sobremesas para restaurantes e agora recebe os clientes para provar seus deliciosos doces, sanduíches e cafés.

brewmille-petit-gateau-laranja

Um dos produtos que me chamou atenção na divulgação deles nas redes sociais foi o Petit Gateau de laranja. Macio, saboroso, adocicado na medida e com um recheio delicioso por dentro. Quentinho, acompanha uma bola de sorvete, uma calda de chocolate belga e uma incrível praliné de pistache.

brewmille-cafe-french-press

Esta bela sobremesa (e minha visita foi em tom de sobremesa, por isso não provei os salgados) foi acompanhada de um café passado. Tenho ficado muito feliz com as cafeterias que estão incorporando o café passado nos seus cardápios, no caso da Brewmille até como exclusividade. Foi-se o tempo que café passado era sinal de café ralo e fraco e café espresso a fina flor do barismo. Tomei o House Blend, o sabor principal da casa, o começo de tudo. Passado à mesa numa prensa francesa (French Press). A prensa fica na mesa e você vai se servindo a quantidade que quiser tomar.

brewmille-agua

Um ponto interessante da casa é que é mais uma das que servem água sem custo. Isso mesmo, água não é cobrada. Assim que chega você já é recebido com uma garrafa com água filtrada gelada, sem precisar pagar por ela.

brewmille-cheesecake-brownie

Ainda experimentei o Cheesecake Brownie, uma cheesecake com o recheio tradicional mas com a massa feita com brownie de chocolate. Por cima, uma deliciosa calda de amoras.

Tudo o que comi e bebi estava perfeito. Pretendo voltar ainda pra experimentar os sanduíches, cujo pão também é feito por eles. Agora sim, podemos dizer que a região tem um café de verdade.

Espero que esteja tocando a trilha de Amélie Poulain quando vocês visitarem também. Pra você se lembrar de algo que considero muito importante no filme, a predileção de Amélie pelas coisas simples da vida. Um café quentinho, bem feito, um doce gostoso e um atendimento espetacular de todas as pessoas que trabalham lá, numa gentileza de dar inveja e inspirar, é algo simples mas que pode salvar alguém das ansiedades do tempo e da vida.

A conta fechou em menos de R$50 por dois cafés e duas sobremesas.

Obrigado, Brewmille. Vida longa. Nos vemos qualquer dia destes de novo.

Brewmille

  • Rua São Pedro, 694. Areias, São José/SC.
  • (48) 3375-4275
  • Estacionamento
  • WiFi
  • Aceita cartões

 

6 ideias sobre “Brewmille: um feliz café em São José”

  1. Que bom que voltou, e agora mais pertinho daqui de casa!
    Espero que tenham várias resenhas pra esses lados de São José, estamos mesmo precisando.
    E me aguardem nesse café, pq essa foto me fez babar por uma xícara.

    😉

  2. Interessante. Nos EUA se costuma oferecer água em jarras nas mesas sem custo. Em alguns restaurantes eles deixam a jarra na mesa e em outros passam e vão enchendo os copos. Que bom que a moda chegou por aqui…

  3. Depois de ler sua postagem fomos no Brewmille ontem e gostamos muito do lugar. Atendimento cuidadosos sem ser invasivo, comida boa e com preço justo e até vaga de estacionamento na rampa.
    Voltaremos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *