TOP 5 Melhores Sushis de Florianópolis, segunda edição

Em Abril de 2011 eu fiz um post chamado TOP 5 Melhores Sushis de Florianópolis. Ainda iniciante na arte de comer um bom sushi elegi as 5 melhores casas dentro as opções que eu conhecia e tinha acesso na época. De lá pra cá tive a oportunidade de conhecer outros lugares, experimentar novos sabores e criar outras preferências. Só no ano passado percorri quase 50 casas de sushi ou que também oferecem a culinária japonesa baseada no famigerado bolinho de arroz no cardápio.

O mais engraçado dessa história toda é que NENHUM sushi que apareceu na primeira lista está na segunda, o que prova duas coisas: 1) eu não conhecia sushi direito e 2) muita coisa nova surgiu na cidade há quase dois intermináveis anos.

feng-shui-sushi-bistrot1

Todos os restaurantes de sushi que visitei foram sugeridos por leitores do blog ou amigos, que foram de fundamental importância para esse conhecimento e pra que esta compilação de 5 melhores sushis de Floripa saísse. É possível que aconteça o mesmo da vez anterior: você pode não concordar com uma ou outra casa ou achar que ficou faltando aquele seu preferido. Esta lista não é técnica, é baseada no meu gosto.

Outro aviso: esta lista não será nos moldes da anterior, de 1 a 5. Todos os 5 estão no mesmo patamar de gostosura, sendo eles maiores ou menores, mais caros ou baratos. O que aparecer em primeiro não é melhor que o que estiver na última posição, é só uma lei da física sendo respeitada. Dois sushis não podem ocupar o mesmo espaço no post. Vamos lá?

Sushi Bistrot

Nigiri de Ostra
Nigiri de Ostra

Localizado nos altos do morro da Praia Mole e com uma belíssima vista pra Lagoa da Conceição, o Sushi Bistrot é um dos meus preferidos e volto lá sempre que posso. A casa é pequena e confortável, oferece comida japonesa de excelente qualidade e tem no Chef Executivo Renato Mazurek um incansável explorador de novos sabores para sua cozinha. Foi lá que experimentei o exclusivo nigirizushi de ostra. Pra ir a dois ou com os amigos, tem um preço honestíssimo e a comida faz valer a pena a pequena viagem até o leste da Ilha.

  • Endereço: Rod. Jornalista Manoel de Menezes, 454. Lagoa da Conceição, Florianópolis.
  • Telefone: (48) 3232-1286

 

Wa Sushi

Sushi de Lula e Salmão
Sushi de Lula e Salmão

O Wa Sushi é a única casa de comida oriental na cidade que oferece o rodízio de sushis e outras iguarias nipônicas passando na sua frente através do sistema de esteiras. Com uma equipe muito bem entrosada e que sabe fazer sushi como ninguém, já tendo alcançado uma maturidade invejável no entendimento de todo o processo,  a casa oferece uma qualidade incrível na sua comida e no atendimento, e demonstra constância na satisfação do cliente. Já vou lá há quase um ano, é o restaurante japonês que mais visito, e a expectativa de comer um dos melhores sushis da cidade nunca foi frustrada. Não é a toa que a casa está sempre lotada.

  • Endereço: Rua Clodorico Moreira, 67. Santa Mônica, Florianópolis
  • Telefone: (48) 3024-7521

 

Black Sheep

Enrolado na folha de soja, pasta de vieiras, kani e ovas
Enrolado na folha de soja, pasta de vieiras, kani e ovas

Emerson Kim trouxe pra Florianópolis sua experiência internacional com sushi. Na mala trouxe não só muita vontade de criar algo diferente do que já temos estabelecido por aqui, mas muita criatividade e sabor nas suas receitas. No Black Sheep, esqueça o filadélfia, califórnia ou hot roll. O sushi lá é mais nipônico que os habituais, traz muitos elementos da cozinha internacional na comida e muita imaginação na hora de montar os pratos. Destaque para o Salmão Karashi e as Ostras ao Molho Cítrico. Se vai a primeira vez, recomendo o menu degustação. Deixe que o Emerson guia você por algo totalmente novo do que possivelmente você já imaginou comer.

  • Endereço: Av. das Rendeiras, 1956. Lagoa da Conceição, Florianópolis.
  • Telefone: (48) 3207-4337

 

Kimê

Hot Camarão: camarão e queijo cremoso empanado com molho tarê. Foto de Michele Xavier
Hot Camarão: camarão e queijo cremoso empanado com molho tarê. Foto de Michele Xavier

Além de sushis, o Kimê oferece em alguns dias da semana o rodízio de mini temakis. É a oportunidade não só de comer um excelente temaki bem preparado com peixe fresco e saboroso, mas também de experimentar vários sabores no mesmo jantar. Menores que os comuns, você escolhe entre cerca de 50 combinações diferentes (além de poder customizar o seu próprio sabor) e vai degustando os que lhe der vontade. Seja um simples temaki de salmão com cebolinha ou até um de camarão que é empanado por completo e frito, ou até mesmo o mexicano que vai doritos e um pouco de pimenta, todos eles muito saborosos.

  • Endereço: Av. Madre Benvenutta, 943. Santa Mônica, Florianópolis.
  • Telefone: (48) 3024-9854

 

Sushi Roots

Sushis e sashimis
Sushis e sashimis

O Sushi Roots da Barra da Lagoa foi o último que conheci da lista. Foi somente em dezembro que consegui chegar até ele e encontrar uma mesa disponível, tamanha é a procura pra se jantar neste pequeno gigante escondido próximo à fortaleza da barra e de costas pra Lagoa da Conceição. Ideal pra um sushi no fim de tarde com o sol morrendo na cidade e a Lagoa dando seu show todo especial, conta com sistema à lá carte e festival alguns dias da semana. Preço honesto, comida honesta e atendimento muito honesto e funcional, o Roots da Barra entrou recentemente para o meu rol de preferidos muito facilmente. Chegue cedo pois a casa enche rápido.

  • Endereço: Beco dos Coroas, 41. Barra da Lagoa. Florianópolis.
  • Telefone: (48) 3234-0833

Espero que tenham gostado dos melhores suhis que visitei em 2012. No ano que vem faço mais uma lista, por isso continuo coletando sugestões e dicas de vocês. Seja uma casa grande que tenha surgido na gastronomia nipônica de Floripa, seja aquela lojinha miúda no seu bairro, aceito dicas nos comentários deste post.

Bom sushi pra todos!

22 ideias sobre “TOP 5 Melhores Sushis de Florianópolis, segunda edição”

  1. Eu acho que o Sushi Roots tá longe de ser um dos melhores da cidade. Não considero bom um restaurante que às vezes é bom, às vezes não. O Sushi Bistrot eu fui por indicação e pra mim é o melhor da cidade, pq é privativo, só trabalha com reservas e poucas pessoas. AS peças são super bem feitas. Eu tive uma péssima impressão do Wa uma noite em que tentei conhecer a casa mas estava lotado e com cara de malhação. Eu incluiria na lista o Ronin Sushi (antiga temakeria Iarumas) do Santa Mônica e o Kanpai.

    1. Tati, um grande “problema” da minha lista é que por motivos óbvios alguns lugares eu pude ir apenas uma vez, então o restaurante teve apenas uma oportunidade de me impressionar. O Kanpai tem uma vista excelente e um bom sushi, mas só. Outros 30 que visitei também tinham bom sushi. Foi o que notei quando estive lá. Assim como o Sushiyama que todo mundo fala que é um dos melhores, mas no dia em que eu estive fui tratado como cachorro.

      O Roots que me refiro é o da Barra, não sei se foste nele. E o dia em que estive lá fui super bem atendido e comi um dos melhores sushis.

      O Wa realmente tá sofrendo com a lotação, mas não vejo isso como problema. Sobre o “cara de malhação” é um critério que eu não adotei pra fabricar a lista, mas talvez inclua na próxima “cara de malhação ( ) sim ( ) não”. 😛

      O Ronin eu descobri semana passada quando fui ali no barbeiro, certeza que ele será levado em consideração na próxima visita 🙂 até lá já devo ter parado ali pra experimentar.

      Obrigado pelas sugestões e pelo comentário, e pela habital visita no blog! Beijo!

  2. Louvo a inclusão do Black Sheep na lista, Daniel! É um estilo diferente do consagrado em Florianópolis e, quem sabe com alguma divulgação, a moda pega e dá crias. Cozinha excelente e atendimento de primeira qualidade.

    Abraço!

  3. Oi, Daniel! Ótimo post! Não é mesmo fácil fazer uma lista dos melhores sushis de Floripa. No meu blog (sushialacarte.com.br) eu optei por colocar os Top no sentido de estarem estabelecidos na cidade há um bom tempo ou por serem badalados, porque eles estão sempre mudando mesmo. Um dos poucos que mantem o padrão é o Sushi Yama, e me admirei quando você falou do mau atendimento. Tiro o chapéu pro serviço do Kanpai do alto do morro da Lagoa, onde o garçom tirou a cadeira pra eu sentar e serviram o vinho em taças maravilhosas! Grande abraço!

    1. Oi, Fernanda! Pois é. Eu realmente acredito que tenha ido num dia ruim, mas como o blog é amador, e a eu procurei visitar o máximo de casas possível, não tive como dar uma segunda chance pra experiências frustradas. Nem por questões financeiras nem pelo tempo, senão o post só sairia em 2016 😛

      O Kanpai é um bom sushi sim, eu só não tive uma experiência além do normal. Não é que não mereça ser considerado um dos melhores, mas a experiência que tive com estes 5 surpreenderam mais. Se a lista fosse com 10 sushis, certamente ele entraria.

      Em tempo obrigado pela visita e pelo comentário! abraço!

  4. Bom, nessa lista, o Bistrot foi a minha maior decepção como restaurante de sushi em Floripa: visitei num sábado, o restaurante não estava chei, e tudo que pedi veio ruim, pedi o sushi e o arroz veio quente, contrastando com a temperatura do peixe, o que foi impossível de comer. Na esperança de ser salva pelos pratos quentes, testei todas as entradas, sendo que a primeira porção do magurô com pimenta veio com o atum tão carregado no molho, que tinha gosto defumado, e 10 minutos depois veio outra porção totalmente diferente. Nesse dia tivemos azar até com o sunomono, que estava azedo. Enfim, não sei se foi por criar expectativas que achei o restaurante péssimo . Como disse a Fernanda, achei estranho o mau atendimento no Sushiyama, sempre fui bem atendida lá e nunca tive problemas com a qualidade da comida, tudo está sempre muito fresco e muito saboroso. Fiquei muito curiosa com o Black Sheep, vou colocar na lista para uma visita.
    Abraço!

    1. Pois é, Déborah, isso acontece com mais frequência do que eu imaginava. Tanto eu achando e postando aqui os lugares que considero bons quanto recebendo as dicas pra ir conhecer novos restaurantes. Tanto você não ter curtido o Bistro quanto eu ter sido tratado feito cachorro (há controvérsias, meus cachorros são bem tratados) no Sushyama são dois acidentes catastróficos, porque assim como aprovei o Bistro, eu tenho consciência que TODO MUNDO fala bem do Yama. E provavelmente ele é um bom restaurante digno de estar aqui nessa lista. O que fode com a gente é ir num dia ruim por causa da tal da primeira impressão. Até porque a gente não tá falando de um cachorro quente, é 100 pila morto num programa desses. Dar a segunda chance é bem complicado.

      Sobre o Black Sheep eu acho que tu vais gostar. Eles fazem um sushi bem mais elaborado, assim como os pratos com base no sashimi. Faça uma visita sim, tenho quase certeza que vai rolar um caso de amor lá 🙂

      Abraço, Binha!

  5. Concordo, no Kanpai o sushi não impressiona mesmo. Os R$110 pagos pelo quilo são justificados só pela vista e pelo atendimento. Na verdade, paga-se para “ter uma experiência”, que é diferente dos outros restaurantes. Abraços!

  6. Bebe querido, eu vou dar a minha opinião, então:
    1 – Olha, estais certíssimo em excluir o Yama, pois aquilo que servem lá é um sushi bem do meia boca (mas respeito a opinião alheia, é óbvio, assim como desejo que respeitem a minha!).
    2 – O Black Sheep tinha que estar em PRIMEIRÍSSIMO LUGAR!!!! Não tem comparação, por favor, né? (Assim como o Sancler tinha que ser o melhor X da cidade! E está em segundo lugar na tua lista, onde já se viu!)
    3 – O Kikoni tinha que estar na tua lista, ora pois!!! O Kikoni é muito bom, excelente!!! Já foste? A menina do Saboreando Floripa já foi, olha lá o post que ela fez… Vale a pena conferir!
    4 – E o Taisho? O Taisho foi o pioneiro nos sashimis diferentes aqui na cidade! Lá eu comi pargo, peixe prego (bem brancão), haddock defumado, bochecha de garoupa, salmão com molho de ostras… Ele tem que entrar na lista e sem discussão!
    5 – Não te culpes por não contentar a tua própria manezada, não te esqueças que sabes exatamente como eles são, pois, afinal, és um deles, até que aperfeiçoado, eu admito, mas continuas sendo um deles!!! (Na verdade, estou querendo dizer que o Kanpai é só um restaurante com vista bonita para se badalar e olhar uns gatinhos e coisa e tal e tal e coisa como já dizia a nossa querida Rita Lee)
    6 – No mais, concordo com as outras escolhas!
    Abraço forte, e vai visitar o Recanto dos Brunidores, é incrível!

    1. Oi Ramila!

      Vou te responder na mesma sequência pra ficar organizado como colocaste:

      1) né?
      2) ele não está em terceiro lugar. Como digo no post a ordem foi aleatória, coloquei ele no meio pra quebrar a sequência. Assim como o Kimê em quarto pra mostrar algo diferente dos sushis. O grau de importância dos 5, pro post, é igual, pra não ter que escolher um em detrimento do outro.
      3) Não fui ainda. Aliás, tentei ir um dia e estava fechado. Não lembro se era uma segunda-feira ou o que. Aí acabou perdendo a vez haha. Pra próxima lista talvez faça um review dele 🙂
      4) Esse não foi indicado. Até sei da existência, mas quandi pedi sugestões de sushi ninguém sugeriu, acabei pulando. Mas depois que publiquei já és a terceira que me fala isso. Fica pra próxima tb 😛
      5) Hahahahaha, cadum cadum
      6) que bom que gostou! 🙂

      Obrigado pelos sempre espirituosos comentários, é um prazer tê-la como leitora. E sim, ainda irei no Recanto dos Brunidores qualquer dia destes! 🙂 Um abraço!

  7. Puxa! que injustiça ! o melhor e mais bem preparado é o sushi do Iarumas , na Lagoa. Ao lado do pub, vocês tem que experimentar. é pequeno, mas muito gostoso. nunca comi um tão bom… o arroz é muito gostoso também!!! Visitem!

  8. Oi Daniel! Post excelente! Comecei a acompanhar o blog há pouco tempo e adoro as dicas! Percebo que por vezes tens mais sorte que eu no atendimento. Será que não é pelo fato de já te conhecerem e por isto te atendem melhor?
    Bom, quanto aos sushis, concordo com o Wa e o Kimê. O Sushi Bistrot não foi uma boa experiência para mim, tampouco o Sushi Roots mas como bem dizes, tudo depende do dia. O Black Sheep ainda não conheço mas parece que vale a pena a visita.
    Agora, no Kikoni tens que ir de certeza. Imperdível!
    E quanto ao Kampai, é aquela coisa…sushi bom mas um verdadeiro assalto e se tem coisa que eu não gosto é de me sentir roubada!
    Grande abraço e sucesso!

  9. Oi Daniel.

    O que você acha do Kiriwoto?
    Eu gosto de experimentar sushis diferentes, de preferência festival, qual você indica?

    Grato, Sidnei.

  10. Já ouviram falar do Sushi Boat , nos Ingleses, peixe fresco, apresentaçao do prato linda (eles montaram uma flor em que cada petala era um pedaço de sashimi), arroz com tempero bom e a sobremesa era um rolinho primavera de banana com um caldo doce fantástico

    1. Oi Fabio,

      teu comentário foi feito em setembro mas somente na semana passada consegui ir lá. Peguei o carro na maior das boas intenções e fui até os ingleses pra comer lá. Mas não gostei. Atendimento muito demorado, ruim, não conversa com o cliente direito, explica mais ou menos o que tem pra comer, o arroz estava avinagrado demais, enfim… não vale o investimento, experiência média. De qualquer forma muito obrigado pela indicação e, quando tiver outra, manda que vamos novamente! Abraço!

  11. Claro que existe sushis e sushis. Tem só um dos sugeridos que ainda não conhecia. Concordamos em alguns, discordamos em alguns outros…

    Mas de um jeito ou de outro, sou moralmente obrigado a dar a dica (não porque eu quero mais concorrência na hora de comer lá, mas porque o lugar merece):

    Kikoni, na Dom Jaime Câmara. Pequeninho, todo transadinho, comida excelente, feita conforme você vai pedindo e com capricho. E mais um ponto alto: Pessoal todo muito querido e educado.

    Não queria ter que revelar esse segredo, mas eles merecem toda freguesia que puderem atender 😉

  12. fica a dica vc tem que visitar o onegai na lagoa …não pra tua lista mais pra vc comer um sushi bom e preço onesto bom de mais la o festival…

  13. Tive o prazer de conhecer o Sushi Bistrô graças a sua indicação. Lugar maravilhoso, aconchegante, atendimento excelente e a comida nem se fala, todos os pratos muto bem feitos e o melhor: entre os pedidos iam sendo apresentadas cortesias. Já o Kanpai decepcionou no quesito sabor, ganha de qualquer outro no visual, mas se limita a isso. Sugiro uma resenha sobre o Temakin, não fica em floripa, mas vale a visita!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *